quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

NOVA VIDA = MUDANÇA DE MENTE

“ ROGO-VOS, pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos em sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional. E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus “
Romanos 12:1-2

As pessoas da nação de Israel vagaram pelo deserto durante quarenta anos para fazer um percurso que em realidade demorava onze dias.
Por que?
Foram seus inimigos?
Suas circunstâncias?
As provas ao longo do caminho?
Ou foi algo inteiramente diferente o que lhes impediu de chegar ao seu destino?

Enquanto pensava nesta situação, Deus me deu uma revelação poderosa que me ajudou pessoalmente bem como a milhares de pessoas.
O Senhor me revelou que os israelitas passaram quarenta anos no deserto fazendo uma viagem de onze dias porque eles tinham uma "mentalidade desértica".

Realmente não deveríamos olhar os israelitas com tanto assombro, porque nós fazemos o mesmo que eles fizeram.
Andamos dando voltas e voltas ao redor da mesma montanha ao invés de progredirmos.
Andamos vários anos para realmente experimentar a vitória sobre algo que pode ser resolvido rapidamente.
Deus me mostrou que as "mentalidades desérticas" são formas de pensar equivocadas.
Foram estas mentalidades desérticas que mantiveram aos israelitas no deserto por tanto tempo.

Podemos ter formas de pensar corretas ou equivocadas.
As corretas nos beneficiam, e as equivocadas fazem dano, põem barreiras em nosso progresso.
Colossences 3:2 nos ensina a pôr nossa morada nas coisas do alto e mantê-la ali.
Precisamos fixar nossas mentes na direção correta.
A forma de pensar equivocada não só afeta nossas circunstâncias, senão também, nossa vida interior.

Algumas pessoas vêem as coisas de uma forma negativa porque experimentaram circunstâncias muito difíceis toda sua vida e não se podem imaginar que as coisas possam melhorar.
Também estão aqueles que vêem tudo mal e negativo simplesmente porque essa é a maneira que se sentem por dentro.
Qualquer que seja a causa, uma perspectiva negativa deixa à pessoa se sentindo azarada e incapaz de conseguir algum progresso para a Terra Prometida.

Deus tinha chamado os filhos de Israel da escravidão no Egito para ir à terra que Ele tinha prometido dar como herança perpétua; uma terra que fluía leite e mel e toda coisa boa que eles podiam imaginar.
Uma terra onde não teria escassez de nada que eles precisassem; uma terra de prosperidade em todos os aspectos de sua existência.
Grande parte das pessoas que o Senhor salvou do Egito jamais entrou na Terra prometida; em vez disso, morreram no deserto.
Para mim, essa é uma das coisas mais tristes que pode suceder a uma pessoa - ter tanto (nós temos tantas promessas na palavra) em sua disposição e, no entanto nunca ser capaz de desfrutar nada disso.

Durante muitos anos de minha vida eu fui uma dessas pessoas.
Estava no caminho a minha Terra Prometida (o céu), mas não estava desfrutando a viagem.
Minha mente estava no deserto e estava morrendo ali.
Minha mentalidade desértica ou formas de pensar equivocadas não me permitiam cuidar dessas áreas de minha vida que Deus queria atingir e fazer progredir.
Mas graças a Deus por Sua misericórdia, Ele me mostrou o caminho para sair do deserto!
Ajudou a identificar e a mudar essas formas de pensar equivocadas.
Hoje minha mente está renovada.
Tenho uma forma de pensar nova e fui resgatado do deserto.

O que Deus fez por mim, certamente também pode fazer por você.
Peça-lhe hoje a Deus que mostre suas mentalidades desérticas e que lhe ajude a fazer as mudanças necessárias.
Ele pode liberar sua mente do deserto e ajuda a desfrutar a viagem à Terra Prometida!.

No Amor de Jesus,
Pr. Humberto Freire

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget