quarta-feira, 10 de março de 2010

O CONSELHO DE JETRO - A solução está na Liderança !


“ Lideres seguros delegam poder aos outros “ John Maxuel

A exuberância dos novos templos e catedrais, e a ascensão de grandes lideres evangélicos espalhados pelo mundo atraem a imprensa para diversas reportagens e muitos comentários.
As grandes catedrais evangélicas do Brasil e do exterior foram destaque em matéria da Revista Veja edição 2037, salientando a capacidade que os pastores tem de irromper dos bastidores e dar espetáculo nos pupitos.
Fatos que provocaram muitos comentários e euforia, também no meio evangélico.
O povo que foi considerado “ um povinho “ se tornou a grande nação evangélica, a igrejinha se transformou em catedrais esplendorosas, os pastores se destacam como grandes lideres do cenário nacional, e a igreja sobe todos os degraus, alcança todos os patamares, atinge todas as metas e prossegue . . .
Bem, prossegue com dois lados de uma mesma moeda.
A igreja é uma instituição divina comprometida coma a salvação.
A missa dela é de pregar a mensagem do Evangelho, resgatar almas, e prepará-las para a vida eterna.
É um aprisco onde o pastor precisa conhecer as ovelhas, abraçá-las, sarar suas feridas, conduzi-las aos pastos verdejantes e alimentá-las : “ O bom pastor conhece as suas ovelhas e delas é conhecido “ .
Será que neste âmbito, também, a igreja cresce cumprindo o seu papel ?
O pastor que abraçava todas as ovelhas quando elas eram somente algumas dezenas no templo não consegue abraçá-las quando estas se multiplicam e se tornam centenas e milhares.
O volume de responsabilidades, tarefas, reuniões, gravações de programas e entrevistas solapa enorme parte do seu tempo, as preocupações com os sermões e preleções, outra parte.
Daí, os primeiros problemas : As ovelhas podem ficar sem orientação, não conseguir distinguir aspectos básicos da vida cristã e deixar de executar tarefas vitais no crescimento espiritual.
Subentender-se-ia, então, que a igreja cumpriria o seu papel e o pastor as suas funções se esta se resumisse a um pequeno numero de fieis.
Não !.
Esta não seria uma afirmativa verdadeira, até porque uma das tarefas da igreja é a evangelização, e esta tarefa é realizada exatamente para promover o seu crescimento, o que a tornará cada vez maior.
Jetro, o sogro de Moises, trás o referencial de solução excelente desses problemas.

“ A prioridade de um grande líder deve ser formar outros lideres e o potencial de uma organização depende do aperfeiçoamento das lideranças “

Sabemos que são muitas as implicações e que as coisas não acontecem facilmente, mas com muita luta e trabalho.
A principio, um grande líder precisa formar uma boa equipe de trabalho com pessoas competentes que expresse a sua visão e compromisso com a verdade.
O presidente americano Theodor Roosevelt disse : “ O melhor executivo é aquele que tem a percepção suficiente para escolher homens competentes que façam o que ele quer que se faça, e autodomínio suficiente para não intrometer no trabalho deles “.
O pastor Maxwel escreveu : “ A capacidade que as pessoas tem de realizar é determinada pela capacidade que o seu líder tem de lhes delegar poder “. E ainda no mesmo livro Maxwel apresenta dados que ele realizou : Somente 10% das pessoas se tornam lideres por talento natural, apenas 5% por circunstancia de crise e 85% são lideres formados e influenciados por outros lideres.
Para formar lideres é preciso liderara-los, é preciso transmitir a visão, conceitos e valores espirituais porque é com este conteúdo que eles irão liderar outros.
É preciso carisma e graça divina, porque com estas virtudes eles irão inspirar a paixão que o evangelho requer de todos, pois é preciso verdade para confrontar com a realidade e impedir a mistura da igreja com a vida mundana.
O grande legado que Moises herdou de Jetro foi a arte de formar lideres.
Não seria esta a solução para que nossas igrejas cresçam cumprindo o papel de igreja no contexto emergente ?

‘ JETRO, O SOGRO DE MOISÉS TRÁS O REFERENCIAL DE SOLUÇÃO EXCELENTE PARA LIDERANÇA DE EXITO “ Exodo 18:13-27

Pr. Humberto Freire

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget