sexta-feira, 1 de janeiro de 2010

ROUBARAM O EMBUSTEIRO

“Manda, pois, que o sepulcro seja guardado com segurança até ao terceiro dia; não se dê o caso que os seus discípulos vão de noite, e o furtem, e digam ao povo: Ressuscitou dos mortos; e assim o último erro será pior do que o primeiro”
Mateus 27.64

Os perdidos não entendem nada acerca de Deus.
Para eles, a atitude de um servo do Senhor é algo igual à que sempre cometem: embuste.
Como não sabem o que é fé, vivem apenas para o que podem tocar, em busca de riquezas as quais serão deixadas aqui quando eles morrerem.
Além disso, não desfrutam da paz que Cristo concede a quem Lhe é fiel nem têm esperança de que a vida, quando acabar, continuará nos Céus para todo o sempre.
Jesus havia profetizado que morreria e, ao terceiro dia, ressuscitaria.
Só que, em vez de os líderes judaicos abraçarem o Salvador, mataram-nO, cumprindo a Palavra do Mestre.
Ora, como não acreditavam que Jesus ressuscitaria ao terceiro dia conforme Ele afirmara, pediram às autoridades romanas, seus cúmplices, que guardassem o sepulcro – isso porque os judeus tinham medo de que o corpo do Filho de Deus fosse roubado e se espalhasse uma história de Ele ter ressuscitado, cumprindo o que prometera.
Coitados, pois agiram cegamente e, acima de tudo, de maneira tola!
Eles não viram que tudo o que o nosso Deus prometera se cumpriu – por sinal, ainda hoje, não há um só caso em que Sua promessa tenha falhado.
Pilatos atendeu ao pedido dos judeus e mandou montarem guarda no sepulcro, a fim de evitar que o corpo de Jesus fosse roubado.
No entanto, como aquele povo não cria no Senhor, não pôde ver a glória que se revelou sobre aquele túmulo: primeiro, o Espírito de Deus desceu até as regiões da morte e tocou em Cristo, o qual reviveu e, então, saiu do túmulo entre os clamores dos anjos, que davam glórias a Deus nas maiores alturas.
Pobres homens que dormiam!
Hoje, quem também não crê na Palavra do nosso Senhor está igualmente em sono profundo, afinal, não vê a maior obra de todos os tempos que está sendo realizada em todo o mundo: a transformação de vidas, as quais, outrora, estavam destruídas, e a conversão de pessoas envolvidas com o diabo. Entretanto, apesar de muitos não verem o Altíssimo operar, em nossos dias, os mesmos milagres realizados durante o ministério terreno de Jesus, nós, que cremos, temos sido testemunhas desses feitos inigualáveis.
Bendito seja o Senhor por nos permitir contemplar Suas lindas operações!
Não há erro nas obras de Deus, mas, sim, nas do inimigo.
O que temos visto acontecer é um pouco do que o Senhor fará por esse mundo afora.
Os endemoninhados estão sendo libertos; os doentes, curados, e os pecadores, salvos.
A obra divina avança com um progresso tão majestoso, que, tenho plena certeza, tem feito o Pai alegrar-Se.
Meu irmão, quem crê hoje faz o mesmo que aquele que creu no passado. Portanto, se você estiver dormindo, acorde e venha participar da visitação sem igual do nosso Deus!
Agindo assim, a glória divina brilhará sobre você!

Em Cristo, com amor,

Pr. Humberto Freire

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget