quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

UM NOVO COMEÇO


“ E disse: Um certo homem tinha dois filhos;
E o mais moço deles disse ao pai: Pai, dá-me a parte dos bens que me pertence. E ele repartiu por eles a fazenda.
E, poucos dias depois, o filho mais novo, ajuntando tudo, partiu para uma terra longínqua, e ali desperdiçou os seus bens, vivendo dissolutamente.
E, havendo ele gastado tudo, houve naquela terra uma grande fome, e começou a padecer necessidades.
E foi, e chegou-se a um dos cidadãos daquela terra, o qual o mandou para os seus campos, a apascentar porcos.
E desejava encher o seu estômago com as bolotas que os porcos comiam, e ninguém lhe dava nada.
E, tornando em si, disse: Quantos jornaleiros de meu pai têm abundância de pão, e eu aqui pereço de fome!
Levantar-me-ei, e irei ter com meu pai, e dir-lhe-ei: Pai, pequei contra o céu e perante ti;
Já não sou digno de ser chamado teu filho; faze-me como um dos teus jornaleiros.
E, levantando-se, foi para seu pai; e, quando ainda estava longe, viu-o seu pai, e se moveu de íntima compaixão e, correndo, lançou-se-lhe ao pescoço e o beijou.
E o filho lhe disse: Pai, pequei contra o céu e perante ti, e já não sou digno de ser chamado teu filho.
Mas o pai disse aos seus servos: Trazei depressa a melhor roupa; e vesti-lho, e ponde-lhe um anel na mão, e alparcas nos pés;
E trazei o bezerro cevado, e matai-o; e comamos, e alegremo-nos;
Porque este meu filho estava morto, e reviveu, tinha-se perdido, e foi achado. E começaram a alegrar-se “
Lucas 15:11-24

O EVANGELHO OFERECE A POSSIBILIDADES DE UM NOVO COMEÇO
Quais são os passos necessários a serem dados:

1. Devemos enfrentar nossa situação com franqueza e honestidade - "caiu em si" :
Compreendeu que seus problemas eram resultado exclusivo de suas próprias ações. Ele olhou para si mesmo e quase não conseguiu acreditar no que viu. Você já pensou se todas as suas ações durante o ano fossem colocadas no papel? Ele olhou para a sua situação, sua posição e o seu ambiente.

2. Compreenda que há somente Um a quem você pode recorrer, e somente uma coisa a fazer :
"Ninguém lhe dava nada." O Pai! A ultima e única esperança.
O Evangelho sempre insiste a que cheguemos a esse ponto.
Quando o filho pródigo deixou o lar ele disse "Dá-me..." mas quando voltou dizia: "Faze-me..."

3. Quando Deus começa a trabalhar conosco Ele nos liberta de todos os traços do passado :
O Pai o beijou e o abraçou como se o filho nunca tivesse saído de casa.

4. Não basta que todos os traços do passado sejam removidos, preciso de algo no presente :
Preciso ser vestido, preciso de algo que me cubra.
Preciso de confiança para começar outra vez e para enfrentar a vida, as pessoas e os problemas que dela fazem parte.
Só beijar e abraçar não resolveria o problema.
O pai vestiu o rapaz com roupas dignas de um filho, e colocou um anel em seu dedo.
Também lhe conferiu posição de um filho, com todas as provas externas dessa posição.
Anunciou a todos que o filho retornou e o vestiu de forma que o rapaz não sentisse envergonhado diante dos outros.

No Amor de Jesus,
Pr. Humberto Freire

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget