quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

O PODER ILIMITADO DA ORAÇÃO



“Então Josué falou ao SENHOR, e disse na presença dos israelitas: Sol, detém-te em Gibeom, e tu, lua, no vale de Ajalom. E o sol se deteve, e a lua parou.”
Js 1:12-13

Ninguém poderia acusar Josué de orar limitadamente.
Ele ordenou ao sol e à lua que se detivessem.
E eles obedeceram!
O relógio do sol parou ao meio-dia e não voltou a funcionar até a mesma hora do dia seguinte.
Deus acrescentou um dia.

O povo de Deus travava uma batalha em Seu nome, e a escuridão teria impedido o exército de Israel de vencer.
O Deus que criou o sol, a lua, a luz e as trevas poderia suspender facilmente o processo natural para consumar Seus propósitos.

A lição que podemos extrair é que devemos orar com ousadia.
Nossa oração normalmente não tem poder porque não cremos que Deus possa ou queira fazer tanto.
Perdemos a coragem ao demorarmos em todas as “razões’ para Ele não responder nossas orações.
Josué, entretanto, mostra-nos como alcançar o sol.
Ele orou de maneira estranha!
Josué não estava provando que era ele quem se achava no comando, mas estava deixando Deus manifestar Seu imenso poder!

Diga: Senhor, ensina-me a não te limitar com orações pequenas e medrosas. Dá-me fé para orar com ousadia!

No Amor de Jesus,
Pr. Humberto Freire

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget