domingo, 2 de janeiro de 2011

EM TODO O TEMPO LOUVE AO SENHOR


Ontem as pessoas fizeram promessas a si mesmas, e aos demais, de que neste 2011 muitas coisas serão diferentes.
Faz parte do ritual de passagem de ano, nada errado com isso, muito pelo contrário, é bom e saudável começar um novo ciclo com a disposição de acertar e de fazer coisas boas, coisas novas, coisas produtivas.
Assim como explodem nos céus os lindos fogos de artifício, explodem dentro de nós uma esperança renovada e um desejo, também renovado, de ser melhor, de ter o melhor e acertar mais.

O problema são as fórmulas empregadas para se alcançar as metas estipuladas. A maioria das pessoas acredita que em seus próprios esforços, ajudados pela disciplina e pela boa vontade, cumprirão o prometido e realizarão o almejado. Infelizmente não é bem assim.
O correto é começar o ano novo da mesma forma que deveríamos começar cada um dos dias das nossas vidas – entregando ao Pai nossos anseios, desejos e sonhos; nossas necessidades e propósitos.

O ideal é entrar, de novo, na roda dos doze meses, confiando nossas vidas a Deus.
Pedindo que Seu Espírito Santo inspire nosso sonhar e conduza nosso fazer, sem esquecer que “Ao homem pertencem os planos do coração; mas a resposta é do Senhor.” Pv 16:1; mais ainda: “Deveis dizer: Se o Senhor quiser, e se vivermos, faremos isto ou aquilo.” Tg 4:14-15.
Ou seja, bom mesmo é inaugurar cada amanhecer dos próximos 365 dias pedindo a Deus que reine absoluto em nosso caminhar, nos fazendo, de fato, templo Seu.

Minha oração para todos nós é que neste 2011 tenhamos, sim, saúde, prosperidade, paz e amor, porém que tudo isso seja, antes de tudo, instrumento para fortalecer ainda mais nosso conhecimento Dele e nossa intimidade com Ele, tendo sempre vivificado em nossos corações divinas palavras como estas: “Deleita-te no SENHOR, e Ele te concederá os desejos do teu coração. Entrega o teu caminho ao SENHOR; confia nEle, e Ele o fará.”
Sl 37:4-5

A Jesus toda a Gloria (o ano todo) !

Pr. Humberto e Pra. Raquel


Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget